Sobre

EM VERSOS não tem um norte, mas isto não significa que ele esteja desgovernado. Aqui vocês poderão encontrar de tudo um pouco, desde pequenos contos e crônicas, poesias, reflexões sobre feminismo , atualidades, até relatos diários ou de assuntos aleatórios que espero que alguém queira ler.
Escrevi durante muitos anos no blog A Escritora, mas as coisas mudaram, o blog foi abandonado e, por fim morreu.

Por que “Em versos”?

Em versos é o meu “renascimento” no mundo blogueiro. O nome faz referência ao poema Canteiros de Cecília Meireles, musicado por Fagner, que diz:

Correm os meus dedos longos
Em versos tristes que invento
Nem aquilo a que me entrego
Já me dá contentamento

O que eu busco neste espaço é uma livre expressão, um espaço para a escrita descomprometida e, mais uma vez, reencontrar o hobby que sempre me deu momentos tão felizes e, quem sabe, algum contentamento.

Dados sobre o blog